Lançado em: 06-03-2018

3º domingo da quaresma

Amados irmãos e irmãs, neste 3º Domingo da caminhada quaresmal, a liturgia da palavra, nos apresenta na 1ª leitura (Êxodo 20. 1-17), Deus mais uma vez, fazendo aliança com seu povo, manifestada desta vez pelos 10 mandamentos. Com isso, devemos compreender que os mandamentos de Deus, não são meros “preceitos”, mas manifestação de seu amor para o povo, como é evidente no versículo inicial: “Eu sou o Senhor, teu Deus, que te tirei da terra do Egito, da casa de escravidão”. Não se deve ter medo diante de Deus, mas resignação e abertura para o seu amor, o sentimento de temor.

Na 2ª leitura (1Cor. 1. 22-25), São Paulo nos apresenta algo extraordinário e magnifico, Deus que não só se manifesta no poder, mas que em Jesus, se manifestou na fraqueza da cruz “escândalo para os judeus e loucura para os pagãos”, vemos um Deus “louco de amor”, que entrega seu Filho único, em favor dos pecadores.

No Evangelho de João 2. 13-25, percebemos a atitude de Jesus diante do absurdo que os comerciantes fazem no templo, fazendo da casa de Deus lugar de comércio. Em Jesus, nesta passagem, já temos indícios de seu sofrimento “destruí este templo e o reconstruirei em três dias”. Jesus fala do templo de seu corpo e não do edifício, compreensão esta, que os discípulos só irão entender depois de sua paixão.

Portanto, na metade deste peregrinar rumo a Jerusalém, peçamos a graça do Senhor, de ama-lo e adora-lo de todo coração, fazendo com que os mandamentos não sejam fardos pesados, mas demonstração de amor. E diante da loucura da cruz que nos salva, possamos purificar nosso templo ou melhor, nosso coração, para que seja lugar da casa de Deus.



ÚLTIMOS LANÇAMENTOS

Lançado em: 09-09-2018

23º domingo


Lançado em: 01-09-2018

22º Tempo Comum


Lançado em: 25-08-2018

21º domingo do tempo comum


Lançado em: 18-08-2018


Lançado em: 14-07-2018

15º Domingo do tempo Comum