Lançado em: 03-10-2019

Mártires de Cunhaú e Uruaçu

Oração dos Mártires de Cunhaú e Uruaçu
Santíssima Trindade, Pai, Filho e Espírito Santo: olhai para o sacrifício e para o sangue que vossos Bem-Aventurados Mártires Padre André de Soveral, Padre Ambrósio Francisco Ferro, Mateus Moreira e Companheiros derramaram em terras brasileiras, testemunhando seu amor, fé e fidelidade a Vós e a Vossa Santa Igreja Católica!

Esses mártires nos deixaram precioso e belo exemplo de constância e perseverança na vida cristã, levada de forma séria, decidida e valorosa, até o oferecimento da própria vida. Concedei a nós, que invocamos sua intercessão e proteção que, do Céu, nos alcancem a mesma fé e a mesma caridade que os inflamava! Alcançai-nos também a graça, que tanto necessitamos, se for para o nosso bem, para Vossa maior glória e a de vossos bem-aventurados mártires. Santíssima Virgem Maria, Rainha dos Mártires, rogai por nós! Amém!

História
Bem aventurados Mártires de Cunhaú e Uruaçu

Os Bem-aventurados Padre Ambrósio Francisco Ferro, Padre André de Soveral, o leigo Mateus Moreira e seus 27 companheiros – os Protomártires do Brasil – foram beatificados na Praça de São Pedro, no Vaticano, no dia 5 de março de 2000, em celebração presidida pelo então Papa João Paulo II, hoje, São João Paulo II. Cerca de mil brasileiros participaram da celebração. A festa litúrgica, no entanto, é celebrada pela Igreja, no dia 3 de outubro, data do martírio, em Uruaçu.

Na Arquidiocese de Natal, há celebrações em memória dos Mártires, no mês de julho, em Canguaretama. Em outubro, a festa acontece no Monumento aos Mártires, na comunidade de Uruaçu, no município de São Gonçalo do Amarante, para onde se deslocam milhares de pessoas, especialmente no dia 3. As celebrações também acontecem nas quatro paróquias dedicadas aos beatos: Santuário dos Mártires, no bairro, no bairro de Nazaré, Natal; Beato Ambrósio Francisco Ferro, no Planalto, Natal; Beato André de Soveral, Emáus, Parnamirim; e Beato Mateus Moreira, Cidade Verde, Parnamirim.

Desde 2007, o dia 3 de outubro tornou-se feriado, no estado do Rio Grande do Norte. No dia 22 de novembro de 2006, a Assembleia Legislativa do RN aprovou o decreto, aprovando o feriado. O decreto foi enviado à Assembleia pela então governadora, Wilma de Faria, declarando 3 de outubro feriado estadual, em memória aos Protomártires.

A história

Em 16 de julho de 1645, o Padre André de Soveral e outros 70 fiéis foram cruelmente mortos por mais de 200 soldados holandeses e índios potiguares. Os fiéis participavam da missa dominical, na Capela de Nossa Senhora das Candeias, no Engenho Cunhaú, no município de Canguaretama, localizado na região agreste do Rio Grande do Norte. Por seguirem a religião católica, tiveram que pagar com a própria vida o preço da fé, por causa da intolerância calvinista dos invasores.

Quase três meses depois, no dia 3 de outubro, aconteceu outro martírio, durante o qual 80 pessoas foram mortas por holandeses. Uma das vítimas foi o camponês Mateus Moreira, que teve o coração arrancado pelas costas, enquanto repetia a frase “Louvado seja o Santíssimo Sacramento”. Este morticínio aconteceu na Comunidade Uruaçu, em São Gonçalo do Amarante, a 18 km de Natal, litoral do RN.

Patrono dos Ministros

A 43ª Assembléia Geral dos Bispos do Brasil, realizada em Itaici/SP, em 2005, aprovou o Bem aventurado Mateus Moreira como “Patrono dos Ministros Extraordinários da Comunhão Eucarística”. Em dezembro de 2005, a CNBB comunicou que a Congregação para o Culto Divino e a Disciplina dos Sacramentos, da Santa Sé, havia aprovado o nome do Beato como patrono dos Ministros.

Santuário em Nazaré

No Santuário dos Santos Mártires, situado na Av. Miguel Castro, no bairro de Nazaré, zona oeste de Natal, haverá missa solene, às 8h30, nesta quinta-feira, presidida pelo arcebispo metropolitano, Dom Jaime Vieira Rocha. Lá, a programação se estende até o dia 12 de outubro, em comemoração aos dez anos de instalação da paróquia dedicada aos Mártires de Cunhaú e Uruaçu.

Santuário de Uruaçu


Santuário dos Mártires, em Uruaçu (Foto: Cacilda Medeiros)

No Santuário de Uruaçu, no município de São Gonçalo do Amarante, a programação, no dia 3, será intensa, iniciando às 5 horas da manhã, se estendendo até o final da tarde. Às 5 horas, haverá caminhada, saindo da Igreja Matriz, em São Gonçalo, para Uruaçu. Às 8 horas, acontecerá a segunda Corrida dos Mártires, do Santuário para a Vila de Uruaçu. Pela manhã, serão celebradas três missas, às 8h, às 10h e às 12 horas. À tarde, às 14 horas, haverá show com a cantora natalense, Fátima Santos; às 15h, show com o missionário Antônio Cardoso, de São Paulo; às 17 horas, será celebrada a missa solene, presidida pelo arcebispo, Dom Jaime Vieira Rocha, encerrando os festejos.

Os mártires foram beatificados dia 5 de março de 2000, na Praça de São Pedro, no Vaticano, pelo Papa João Paulo II, e foram canonizados em 15 de outubro de 2017, também na Praça de São Pedro, pelo Papa Francisco.

 

arquidiocesedenatal.org.br

 



ÚLTIMOS LANÇAMENTOS

Lançado em: 11-10-2019

Igreja no Brasil celebra a canonização de Santa Dulce dos Pobres


Lançado em: 06-10-2019

Homilia do Papa na abertura do Sínodo


Lançado em: 05-10-2019

Conheça a primeira imagem de São Francisco que chegou ao Brasil


Lançado em: 03-10-2019

Trânnsito de São Francisco


Lançado em: 03-10-2019

Papa irá consagrar Sínodo a São Francisco de Assis